Mensagem de Boas Vindas


Ano Letivo 2017/2018

2017_inicio_ano_letivo

A Direção do Externato Menino Jesus cumprimenta e saúda todos os elementos da comunidade educativa: Pais, avós, alunos, professoras e restantes funcionários escolares. Esperamos que este reiniciar do processo educativo – na Escola – seja entusiasmante, motivador e permita um regresso a rotinas prazerosas que centrem na Escola o quotidiano dos nossos alunos.

O início do ano letivo, sobretudo para os alunos novos no Colégio, deve sempre implicar uma disponibilidade – da Escola e famílias – que permita mitigar as angústias próprias das adaptações que têm, necessariamente, de realizar. O acompanhamento dos novos alunos, nos primeiros dias e semanas, deve centrar grande parte das nossas atenções, com o propósito de darmos cumprimento às suas necessidades emocionais e comportamentais.

No âmbito do nosso projeto educativo para o triénio 2016-2019 subordinado ao tema “O futuro está nas nossas mãos” iremos – no presente ano letivo – desenvolver o subtema “As artes na ponta dos dedos”. Esta temática irá central as nossas atenções no desenvolvimento de projetos educativos, transversais aos diferentes anos letivos, que queremos enriquecedores para alunos e famílias.

Continuaremos, este ano, a promover projetos que nos acompanham há vários anos, a saber: “Padrinhos e Afilhados” que assegura um sistema de suporte interpares, “Programa de Estimulação da Atenção” que permite a identificação e intervenção em crianças com baixas capacidades atencionais, “Contos de Valor” com o objetivo de transmitir às crianças em idade pré-escolar os valores morais que regulam a integração social e comunitária, “Rastreio Chave Mágica”, que avalia a fluência e precisão leitora das crianças do 1º ciclo, “Rastreio das competências pré-escolares” que nos permite avaliar as competências pré-académicas das crianças da sala do pré-escolar, “O Problema do Mês” para alunos do 1º ciclo com o propósito de incentivar o gosto pela matemática e desenvolver as capacidades básicas do pensamento e da concentração, “O Rolhinas” que permite a recolha e entrega de rolhas e tampas para fins solidários, “Coraçãozinho Solidário” que tem por objetivo angariar roupas, livros e brinquedos que serão entregues a uma instituição do nosso Concelho e que promove a ajuda, a solidariedade, tolerância e a responsabilidade nos nossos alunos para que entendam que nem todas as crianças têm aquilo que precisam e desejam, o “Gabinete de Saúde Escolar” que garante o suporte a toda a comunidade educativa sobre questões de assistência à saúde dos nossos alunos e respetivas famílias, através de ações de sensibilização, exposições, boletins informativos e horário de atendimento semanal.

A Escola deve ser parte integrante e central da vida da criança e o seu papel primário é descobrir vocações e competências, detetar fragilidades, tentar dar informação, conhecimentos e, sobretudo, transmitir sabedoria, mas respeitando que uns podem ser melhores do que os outros em função das suas áreas de interesse, disponibilidade cognitiva e maturidade geral da criança. A Escola deve saber disciplinar sem estigmatizar, aceitando que o papel das crianças é perceberem – através dos respetivos comportamentos – quais os limites a que estão obrigados. O compromisso do Externato Menino Jesus não se esgota nas aprendizagens curriculares. Queremos uma Escola que cumpra a sua função na formação do caráter dos seus alunos, na transmissão de valores e princípios que permitirão às crianças a utilização dos conhecimentos adquiridos de forma generosa, para que sejam também aplicados em favor da sociedade e de uma realidade melhor para todos.

Entendemos que a relação da criança com a escola, e a sua capacidade para se aplicar, não depende principalmente das suas capacidades cognitivas, mas depende essencialmente do seu temperamento, das suas atitudes e emoções e da relação que estabelece com a Escola. As famílias têm, neste domínio, um papel importante na valorização da Escola e do trabalho dos seus educandos, na mitigação das angústias que resultam dos desafios das aprendizagens, no respeito pela autoridade dos professores e pelo contributo (que devem dar no âmbito das suas possibilidades) na manutenção de uma relação de entusiasmo e dedicação que os alunos devem comportar na sua relação com a Escola e com as aprendizagens que realizam.

A Escola não deve estar excessivamente focada em garantir que os alunos tenham um bom desempenho letivo. Os alunos, como refere o pediatra Mário Cordeiro, não são “cavalos de corrida”. A Escola deve estar empenhada em garantir um conjunto de condições que possam – eventualmente – conduzir a um desempenho de excelência, mas que devem ter por objetivo a realização dos alunos. Nomeadamente, deve garantir que as crianças tenham uma rede de suporte social alargada (amigos), que tenham uma boa relação com as suas professoras, que estejam motivadas e entusiasmadas com os conteúdos letivos, que beneficiem de um ambiente disciplinado e estruturado e sobretudo que aprendam a valorizar as aprendizagens que realizam. A concretização destes objetivos é a melhor garantia de alunos felizes, focados e competentes.

O Externato Menino Jesus deseja um excelente ano letivo para todos os alunos e respetivas famílias.